ArtigosImprensa

“Somos Todos Brasil!”, por Adriana Vilela Toledo

Adriana Vilela Toledo de roxoEm tempos de povo na rua, floresce no Brasil a erva daninha do extremismo político.
O Brasil se transformou num campo de  batalha ideológica.
De um lado os militantes de esquerda, que se sentem ameaçados em retroceder as conquistas dos direitos humanos e sociais, bradam que lutarão sem cessar.
Do outro o fortalecimento da extrema direita que defende a ordem a qualquer custo e assumem a defesa dos valores da família.
Verdadeiramente,  a única coisa que une o povo brasileiro é a indignação contra o vício da corrupção leprosa que assola nosso país.
Pena que alguns intelectuais brasileiros, sob pena de perder o seu alicerce ideológico, defendem os líderes que estão envolvidos até a alma com os malefícios de um sistema corrompido – vide todo o patrimônio descoberto pela Operação Lava Jato. Abrem mão até da ética, pilar fundamental de qualquer sociedade justa.
Por outro lado, aceita-se como salvação,  mais do mesmo – considerando que estes que estão aí, na maioria, já estavam e estão comprometidos com esse mesmo sistema.
O que me parece é que nossos líderes estão distantes de representar essas defesas ideológicas das ruas. Eles, em sua maioria, querem o aplauso fácil para continuar a usufruir do poder, sempre defendem suas conveniências.
Por que já não mais acreditamos que pode ser diferente?
Por que não mais acreditamos no caminho da consolidação do respeito as diferenças e na inclusão?
Eu, como a maioria dos brasileiros não quero abrir mão das conquistas sociais, como também desejo a ordem e o respeito às leis, a retomada do desenvolvimento e o equilíbrio da economia.
Não precisamos escolher entre os pés ou as mãos.
O que precisamos é de líderes mais responsáveis, que não alimentem e inflamem o enfrentamento, que sejam capazes de respeitar os preceitos legais, de zelar pelo dinheiro público e produzir resultados que facilitem a vida das pessoas.
É certamente o que espera todo o povo brasileiro.

Que Deus nos guie para um Brasil inclusivo para tod@s.  Afinal, Somos todos Brasil.

*Adriana Vilela Toledo é pedagoga, especialista em Administração Pública e Presidente do PSDB Mulher/AL.