BibliotecaeconomiaeducaçãofeminismoImprensaNotíciassala de leiturasociedades igualitárias

Pais britânicos dão mesada maior aos filhos do que às filhas

mesadas diferentes=discriminação salarial
mesadas diferentes=discriminação salarial

mesadas diferentes=discriminação salarial

Brasília (DF) – O PSDB Mulher, desde o início desta semana (30/05), está dando espaço em suas redes a matérias e artigos que estimulem o debate sobre o que pode ser feito por nós, mulheres e homens – a tão propalada sociedade civil – para contribuir de maneira efetiva para o enfrentamento da #culturadoestupro que se alastra no Brasil.

Em nossa primeira página e na sala de leitura, já estão os artigos de um pai e antropólogo e o de uma mãe, sobre as dificuldades de criar hoje os meninos que serão os homens feministas em um futuro próximo.

Hoje é hora de enfrentar outra decepcionante realidade, mais chocante: assim como a violência, a discriminação salarial contra as mulheres também começa em casa, segundo estudo britânico realizado pelo Banco Halifax, divulgado pela France Presse e replicado no Brasil pelo site G1, a mesada das meninas britânicas é 12% menor do que a paga aos meninos por seus pais.

Fica aqui um alerta e uma reflexão; lutar contra a discriminação de gênero, em todas as suas formas, é nossa obrigação e essa missão começa em casa.

Leia a íntegra da matéria aqui.