ArtigosImprensa

“Respeito é bom e nós gostamos”, por Srta. Jimmy

Jimmy em corA liberdade de expressão tem limites regulados em lei. O duvidoso “cidadão” Luís Inácio Lula da Silva, ex-presidente, hoje investigado e possivelmente envolvido em crimes de lavagem de dinheiro e falsidade ideológica, ultrapassou tais direitos e passou a configurar afirmação de violência contra a mulher, uma vez taxadas com expressão inadmissível de suportar diante do atentado a dignidade que convivemos cotidianamente. Além disso, as mulheres em questão são parlamentares o que reforça a violência sexista que enfrenta a mulher na política.

As mulheres brasileiras se sentem ofendidas, desrespeitadas, indignação nos define, repúdio nos move. Expressões como essa não retratam o exercício de democracia. É escárnio, deboche, é violência contra a mulher!

E respondendo à sua interrogação… “Cadê as mulheres de grelo duro do nosso partido? ”

Do que sobrou do seu partido que se diz dos Trabalhadores, que se diz defensor das causas sociais, que mostra as claras uma discriminação seletiva, não faço ideia Caríssimo “Ministro” “Ser ou não ser, Eis a questão…”.

Somos 54% do eleitorado, somos coluna da sociedade, mães, profissionais, Tias, avós, Professoras, desbravadoras, firmes em nossas ações, resilientes, historicamente obstáculos nos tornam fortes, abraçamos causas com nobreza, horamos a saia que vestimos e somos donas de nossas escolhas.

E por fim, segundo o Filósofo Francês, Iluminista Denis Diderot: “A ignorância não fica tão distante da verdade, quanto o preconceito.”

*Srta.Jimmy é do PSDB Mulher do Ceará e Coordenadora da Rede do 3º Setor do Secretariado nacional da Mulher/PSDB