EntrevistasImprensa

Votos do Nordeste ao PT foram a um “futuro cor de rosa que não se repete mais”, avalia FHC em entrevista

FHC-foto-Magdalena-Gutierrez-IFHC-11Recife (PE) – Em entrevista ao Diario de Pernambuco desta terça-feira (03), o presidente de honra do PSDB, Fernando Henrique Cardoso, acredita que dificilmente o Partido dos Trabalhadores repetirá as expressivas votações que obteve na região Nordeste. Na sua avaliação, os nordestinos apostaram em um “futuro cor de rosa” que o PT prometeu e acreditaram em “ameaças” aos programas sociais plantadas pelos petistas contra os candidatos de oposição.

“Esses votos (dados ao PT) eram muito de um futuro cor de rosa, de uma campanha em que a ameaça vinha do candidato que comprometeria os avanços sociais, especificamente, o povo mais pobre. E são duas inverdades que a população agora está vendo”.

O ex-presidente lembrou da preocupação que tiveram seus governos com a questão social, traduzidas na “difusão”  de bolsas auxílio adotas pelo PT diante do fracassado programa Fome Zero, uma iniciativa da gestão do ex-presidente Lula.

“Eu sempre tive uma preocupação muito grande com a questão social. Quem inventou a difusão das bolsas foi eu. A visão do PT era outra, eles tinham um programa na época chamado Fome Zero, que nunca existiu. Quando eles perceberam, um ano depois, que não funcionou, eles aderiram às bolsas. O que se difundiu na campanha passada foi o oposto. Então, é claro que o eleitor apostou a favor do governo do PT e dos seus aliados. Isso não se repete mais”.

  • Íntegra da entrevista clique AQUI

*Do Portal PSDB-PE