ImprensaNotícias

Autoestima para mulheres e homens no atendimento a pacientes com câncer do ICESP

Foto: Site do Governo de São Paulo

Para diminuir o impacto das sequelas físicas e emocionais causadas pelo câncer, o Icesp (Instituto do Câncer do Estado de São Paulo) criou um espaço destinado a elevar a autoestima dos pacientes. O Cantinho da Beleza, como é chamado, traz alívio aos doentes durante o período de internação e não são somente as mulheres que procuram os serviços oferecidos pelo programa. Uma pesquisa do Icesp mostrou que 35% dos pacientes atendidos no Cantinho são do sexo masculino.

Foto: Site do Governo de São Paulo

Foto: Site do Governo de São Paulo

“Enfrentar dores que nunca imaginei sentir seria muito mais difícil sem esse auxílio”, diz o dentista Ricardo Toledo, 55, em tratamento

 

Diagnosticado com câncer de pele em 2012, o dentista Ricardo Toledo, 55, faz tratamento no Icesp e recorre ao Cantinho da Beleza especialmente em longas sessões de radio e quimioterapia. “Por vezes, eu necessitei ficar conectado aos aparelhos por 24 horas diárias e nem tempo para fazer a barba eu tinha. Era difícil não poder cuidar de mim e os serviços oferecidos me proporcionam isso. Esse cuidado que não tenho como fazer”, contou.

Toledo está em tratamento de câncer pela terceira vez, desta vez, contra um câncer de pulmão, e precisa passar por longos períodos no hospital. “O que vale na iniciativa é, principalmente, o tratamento humanizado que recebemos. Todos os profissionais que me atenderam tinham um carinho especial em cada toque. Enfrentar dores que nunca imaginei sentir seria muito mais difícil sem esse auxílio”, completou.

 

Especialistas confirmam que usufruir dos serviços oferecidos pelo programa faz muito bem, pois tira um pouco o foco do tratamento. “O intuito é fazer com que tanto aqueles que estão internados quanto os que passam por atendimentos ambulatoriais se sintam bem e até esqueçam, por alguns momentos, que estão no hospital”, diz a gerente de Hotelaria e Hospitalidade, Vânia Pereira.

 

Atualmente, o grupo de profissionais que trabalha com a estética no hospital oferece um leque de serviços que vai desde a requisitada higienização de pele, procedimentos de manicure (lixar e pintar as unhas, já que pacientes em tratamento de câncer não podem tirar cutícula), hidratação das mãos, maquiagem, corte de cabelo e de barba e lições de como usar lenços de diferentes maneiras.

 

Podem participar do programa os pacientes em tratamento ambulatorial e os que se encontram internados. Os atendimentos são realizados todas as segundas, quartas e sextas-feiras, durante três horas por dia.

 

Para saber mais sobre o programa acesse o site do Icesp.

 

Do Portal do Governo do Estado