ImprensaNotícias

Transparência Internacional inclui escândalo do Petrolão como um dos finalistas ao título de maior caso de corrupção do ano

o-petrobras-No Dia Internacional Contra a Corrupção, o Brasil não tem motivos para comemorar. Votação aberta pela Transparência Internacional, entidade referência no combate a este tipo de crime, indica o escândalo da Petrobras como um dos finalistas ao título de caso mais simbólico de corrupção em 2015.

De acordo com matéria publicada pelo jornal O Estado de São Paulo nesta quarta-feira (9/12), o esquema de pagamento de propinas na estatal foi um dos 15 escolhidos entre 383 casos de corrupção ao redor do planeta para fazer parte da lista final da eleição.

A presença brasileira na infame relação não fica restrita ao caso do Petrolão. O escândalo da FIFA, com envolvimento de quatro dirigentes brasileiros, e os episódios de corrupção ligados ao ex-presidente do Panamá Ricardo Martinelli, em que há suspeitas de pagamento de propinas com participação da empreiteira Odebrecht, também estão entre os postulantes ao “prêmio”.

A votação, que vai até 9 de fevereiro, é parte da campanha “Desmascarar a Corrupção” e serve para alertar a opinião pública para a gravidade do crime. “São exemplos de abuso de poder que beneficiam poucos às custas de muitos. Milhões são afetados pelo mundo”, destacou a entidade.

Vote pelo link www.unmaskthecorrupt.org.